Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Arte Notes.

Anotações artísticas

Arte Notes.

Anotações artísticas

04 de Novembro, 2023

Momento final da 1ª edição dos "Encontros de Dramaturgia", promovidos pelo Teatro Oficina, decorre a 7 de Novembro

 

«Encontros de Dramaturgia»

Direitos Reservados

A derradeira sessão da 1ª edição dos "Encontros de Dramaturgia", orientada por Patrícia Portela, acontece em jeito de celebração da dramaturgia no dia 7 de Novembro. Iniciando-se às 19h00, numa sessão mais alongada que o habitual, com espaço para várias leituras, incluindo dos participantes e do novo trabalho de Patrícia Portela, este encontro prolonga-se também na companhia de comida e bebida para conforto de todos os que se juntam e participam neste momento.

Nas próximas semanas, a companhia de teatro vimaranense promove também sessões da 2ª edição dos "Encontros de Dramaturgia", com Rui Pina Coelho (21 de Novembro e 12 de Dezembro), e a antestreia do novo projecto de Anja Calas no dia 15 de Novembro, às 21h30. Desenvolvido no programa ‘Criação Crítica’, com acompanhamento dramatúrgico de Mickaël de Oliveira (actual director artístico convidado da companhia), "Inserir imagem visualmente poderosa: aqui", integra dança, teatro e ‘spoken word’, prometendo não deixar ninguém indiferente.

A referida sessão que se concretiza a 7 de Novembro apresenta o trabalho realizado e discutido, ao longo de seis meses (Maio-Outubro de 2023), pelo grupo de dramaturgas/os que compôs a 1ª edição de "Encontros de Dramaturgia". Grupo este que reuniu numa frequência quase semanal, sob acompanhamento de Patrícia Portela, para trocar impressões, metodologias e perspetivas históricas e estéticas sobre a dramaturgia actual. Nesta sessão que volta a convidar escritores, dramaturgos e outras pessoas relacionadas com as artes performativas, bem como todo o público interessado, são lidos, num processo de partilha e aprendizagem, os textos de Nuno Castro ("Língua morta só que curto"), Anabela Almeida ("A outra casa da praia"), Vânia Rodrigues ("Carta ao público"), Ana Mula ("Via"), Carlos Alves ("Portugal"), Flora Miranda ("Texto surpresa") e de Patrícia Portela, que apresenta a sua obra "1998_ what is a conversation?", uma das peças desenvolvidas pela autora durante esta 1ª edição dos Encontros.

De ressalvar qua a leitura é participativa e convoca as vozes de todos os participantes presentes para ler e comentar.

Já as terças-feiras 21 de Novembro e 12 de Dezembro (21h30) são dedicadas às duas últimas sessões da 2ª edição dos "Encontros de Dramaturgia", com Rui Pina Coelho. Relembra-se que nesta plataforma de encontros entre dramaturgos, escritores e curiosos que se estende em duas edições ao longo deste ano, orientadas por Patrícia Portela e por Rui Pina Coelho, cada autor leva para os "Encontros de Dramaturgia" uma obra sua em fase de elaboração para partilhar com os demais interessados (também autores e/ou leitores) que participaram do processo de selecção via Open Call. Os autores Portela e Pina Coelho, convidados pelo Teatro Oficina, oferecem assim um processo de criação em partilha, entre sessões de leituras comentadas, escrita criativa, e algum enquadramento teórico que fundamenta as opções estilísticas e estéticas do texto em construção.

No dia 15 de Novembro, a companhia Teatro Oficina oferece ao público a oportunidade de conhecer na primeira pessoa e em primeira mão o novo projecto de Anja Calas. "Inserir imagem visualmente poderosa: aqui" mistura dança, teatro e ‘spoken word’ para criar uma experiência visceral e imersiva que fala directamente com as emoções e com o intelecto do público. Abordando questões relacionadas com o feminismo, incluindo desigualdade de género, violência sexual, direitos reprodutivos e a interseção de raça, classe e género na luta por justiça social, esta criação desafia as ideias convencionais sobre feminilidade e masculinidade, poder e vulnerabilidade e o papel da arte na mudança social.

Depois de um ensaio aberto, decorrido em Junho, no Centro Internacional das Artes José Guimarães (CIAJG), que nos deu a oportunidade de conhecer o processo criativo levado a cabo neste trabalho de Anja Calas, bem rodeada por uma equipa de trabalho técnica e artística onde encontramos Federica Barcelona, João Ventura, Mar Sal (para além da própria) como intérpretes, é agora chegado o momento para a aguardada antestreia ser apresentada a 15 de Novembro (21h30) no Espaço Oficina.

Todas as actividades referidas são de entrada gratuita, até ao limite da lotação disponível. O acesso às mesmas deve ser feito através do levantamento de bilhetes no local, os quais ficam disponíveis a partir de 1 hora antes do início da actividade.

O Espaço Oficina (localizado na Avenida D. João IV, 1213 Cave, 4810-532 Guimarães) abre assim as suas portas, num renovado convite do Teatro Oficina, que continua a contribuir para envolver públicos do teatro, tentando inverter a tendência maioritária de acolhimento artístico e assumindo, para além da criação de novas produções, um papel fundamental na formação teatral para todos, na difusão e fruição cultural e no acolhimento a escritores em residência.